Última hora

Última hora

Eleições de domingo devem ter baixa participação

Em leitura:

Eleições de domingo devem ter baixa participação

Tamanho do texto Aa Aa

A Lituânia prepara-se para as eleições legislativas do próximo domingo.

16 partidos vão a votos num escrutínio que deverá ficar marcado por uma alta taxa de abstenção, na ordem dos 60%.

Num país que tem um dos níveis de vida mais baixos da União Europeia, as formações políticas enfrentam o cepticismo da população e a pouca confiança dos lituanos no parlamento do país.

Uma eleição que não deve trazer grandes surpresas.

Kestutis Girnius, um analista político, explica que o cenário mais provável “é uma coligação similar ao actual governo, um grupo de três ou quatro ou mesmo cinco partidos do centro esquerda, sem nenhum partido dominante. Mas o partido social democrata, que tem estado no poder nos últimos 16 anos, deverá ter um papel central. “

Nas ruas, o sentimento é de desconfiança. Uma lituana diz que perdeu a confiança e que “só vai votar para rasgar o boletim, para que não possam contar o seu voto”.

Domingo é também dia para um referendo sobre o futuro da central nuclear de Ignalina, herança da era soviética e que a Lituânia se comprometeu a fechar aquando da adesão à Uniâo Europeia.

Grande parte da população defende este tipo de energia, já que Ignalina gera 80% da electricidade do país. Bruxelas diz que a central não é segura.