Última hora

Última hora

Greve de 24 horas paralisa Grécia

Em leitura:

Greve de 24 horas paralisa Grécia

Tamanho do texto Aa Aa

Greve geral de 24 horas na Grécia. O Estado helénico enfrenta hoje inúmeros cancelamentos nas ligações aéreas e ferroviárias, mas os transportes não os únicos afectados.

A greve faz-se sentir também nos hospitais, nas escolas e no sector privado, com a paralisação de advogados, engenheiros civis e jornalistas.

A mobilização foi convocada pelos dois principais sindicatos, que no conjunto representam metade da população activa do país. Em causa está o orçamento de Estado para 2009, que prevê cortes nos benefícios sociais, o aumento dos impostos e a privatização da companhia Olympic Airlines. Exigem também aumento dos salários e das pensões.

Um habitante de Atenas reconhece os inconvenientes e a ineficácia da greve. Diz que os problemas não serão resolvidos, pelo contrário, serão ampliados pela actual crise financeira.

Com esta greve, os sindicatos mantêm o braço-de-ferro contra a política económica do governo Karamanlis, que, garantem, vai levar mais gregos à pobreza.