Última hora

Última hora

Nove militares afegãos mortos por erro

Em leitura:

Nove militares afegãos mortos por erro

 Nove militares afegãos mortos por erro
Tamanho do texto Aa Aa

As tropas alemãs no Afeganistão prestam a última homenagem aos dois soldados mortos segunda-feira num atentado suicida que vitimou igualmente cinco crianças.
Hoje foram nove soldados afegãos que perderam a vida, desta vez, na vitimas de um ataque aéreo levado a cabo pela coligação internacional na província de Khost, no Leste do Afeganistão.
Os rebeldes têm estado particularmente activos na província de Khost, que faz fronteira com o Paquistão.
No dia 20 de Julho, nove polícias afegãos foram mortos num bombardeamento da coligação na província de Farah.
O Presidente Hamid Karzai já se queixou, por diversas vezes, que as forças internacionais não coordenam as suas operações, em particular as operações aéreas, com as forças de segurança afegãs. No passado dia 23 de Agosto, um erro semelhante matou várias dezenas de civis, maioritariamente mulheres e crianças o que levou à rua centenas de afegãos para protestar.
Este ano a violência matou 4200 pessoas no Afeganistão.