Última hora

Em leitura:

Bolsas norte-americanas fecham em forte baixa


mundo

Bolsas norte-americanas fecham em forte baixa

Nem as injecções de dinheiro estatais nem o anúncio da cimeira dos 20 países mais industrializados no mundo, a 15 de Novembro, nos Estados Unidos, animaram Wall Street. A bolsa de Nova Iorque fechou no vermelho pelo segundo dia consecutivo, com o indíce Dow Jones a cair quase 6% e o Nasdaq com perdas de mais de 4.5%.

Sam Stovall, um analista norte-americano considera que os investidores “estão a ficar preocupados com o facto dos ganhos continuarem a baixar, com uma recessão global no horizonte”. A retracção dos investidores “tem a ver com o medo da economia cair ainda mais”, nos Estados Unidos e do outro lado do atlântico.

Na Europa, o dia também foi negro. Frankfurt e Paris perderam mais de 5%, mas o grande trambolhão foi em Madrid, com o Ibex a sofrer uma depreciação de 8.31%. A Espanha tem mais uma razão de descontentamento. O país nâo foi convidado para a cimeira de 15 de Novembro em Washington, onde o G8 e as economias emergentes vão tentar encontrar soluções para a crise.

Saiba mais:

Há pontos de vista diferentes para cada história: a Euronews conta com jornalistas do mundo inteiro para oferecer uma perspetiva local num contexto global. Conheça a atualidade tal como as outras línguas do nosso canal a apresentam.

Artigo seguinte

mundo

Afeganistão