Última hora

Última hora

Guardas fronteiriços da UE fazem exercício na Roménia

Em leitura:

Guardas fronteiriços da UE fazem exercício na Roménia

Tamanho do texto Aa Aa

Durante 10 dias, cinquenta guardas fronteiriços de 23 estados membros vão ser parte de um exercício na fronteira romena, junto à Moldávia.

O objectivo? Encorajar a cooperação internacional entre polícias dos diferentes países.

Os agentes, que fazem parte do Grupo de Intervençâo Rápida de Fronteiras estão habilitados para verificar, por exemplo, a veracidade dos documentos ou identificar imigrantes ilegais.

Dumitru Scultelnicu, um comissário da polícia romena, explica que as autoridades conseguiram “reduzir os crimes na zona da fronteira, mas que continuam a lutar activamente contra a imigração ilegal, o tráfico de carros roubados e o contrabando”.

A Roménia adapta-se ao papel de fronteira leste da União Europeia e está a instalar um novo sistema de segurança para impedir cidadãos não-comunitários de entrarem no território dos 27.

Os 50 agentes estão a ser treinados pela Frontex, a Agência Europeia de Fronteiras, para, no futuro, poder intervir em situações de crise.