Última hora

Última hora

Autoridades norte-americanas detêm neonazis que planeavam matar Obama

Em leitura:

Autoridades norte-americanas detêm neonazis que planeavam matar Obama

Tamanho do texto Aa Aa

A polícia federal norte-americana deteve dois jovens neonazis que pretendiam assassinar Barack Obama.

Detidos no Tennessee na posse de várias armas de fogo, estariam a planear matar mais de uma centena de pessoas de raça negra em vários pontos dos Estados Unidos, antes de visarem o candidato democrata à Casa Branca, que retirou importância à ameaça: “Penso que o que tem saltado à vista nesta campanha é o ponto ao que este tipo de grupos motivados pelo ódio têm sido marginalizados. Eles não representam os Estados Unidos, nem o futuro. O futuro é o que está reflectido hoje neste comício.”

Um comício no Ohio, onde o candidato democrata voltou aos temas da esperança e mudança sobre os quais fundou a campanha em Fevereiro de 2007.

Com os estudos de opinião a conferir-lhe a vantagem não só neste Estado-chave como em vários outros ganhos por George W. Bush em 2004, Obama voltou a sublinhar que é preciso “voltar a página” sobre as políticas republicanas.