Última hora

Última hora

Sírios protestam contra raide dos EUA

Em leitura:

Sírios protestam contra raide dos EUA

Tamanho do texto Aa Aa

Milhares de pessoas saíram à rua em Damasco para protestar contra a ofensiva norte-americana na Síria.

Com medo de eventuais actos de violência, a embaixada dos Estados Unidos permaneceu encerrada esta quinta-feira.

Segundo a imprensa oficial síria, no Domingo, um raide norte-americano numa aldeia fronteiriça provocou a morte a oito pessoas.

Damasco classificou a ofensiva como um acto criminoso e terrorista e apresentou um protesto junto do Conselho de Segurança das Nações Unidas.

As televisões sírias divulgaram imagens do local alvejado.

A Casa Branca não confirmou a operação mas as autoridades de Bagdade alegaram que o raide se destinava a impedir a passagem de rebeldes da Síria para o Iraque.

O caso incomodou o governo iraquiano que negoceia actualmente os termos de um novo pacto sobre a presença militar dos Estados Unidos no país.

Bagdade quer proibir as ofensivas transfronteiriças das tropas norte-americanas a partir do território iraquiano.