Última hora

Última hora

"Vamos mudar a América"

Em leitura:

"Vamos mudar a América"

Tamanho do texto Aa Aa

É o tudo ou nada. Apesar da morte da avó e das sondagens lhe darem vantagem, Barack Obama não baixou os braços e tenta mobilizar ainda mais os apoiantes.

No Estado da Virgínia, o senador do Illinois não descansou e pediu a todos que enfrentem tudo, até mesmo os elementos da natureza para colocar o voto na urna.

“Nestas últimas 21 horas não podemos abrandar, não nos encostarmos ou mesmo afrouxar, um minuto, um segundo, nem um momento. Mesmo que amanhã chova não podem parar, têm que esperar na fila, têm que pegar nos vossos amigos, nos vizinhos. Não podemos parar, não podemos parar quando há tanta coisa em jogo. Vamos mudar a América, Virgínia, a começar já amanhã, declarou.

Na véspera das eleições, a avó maternal do candidato democrata morreu. Madelyn Dunham era uma figura importante para o senador, pois ajudou a cria-lo depois da morte da mãe. Faleceu vítima de cancro. A notícia foi divulgada num comunicado.

Barack Obama vai esperar pelo anúncio dos resultados em Chicago, no Illinois, Estado pelo qual foi eleito senador.