Última hora

Última hora

Mohamed VI critica Argélia

Em leitura:

Mohamed VI critica Argélia

 Mohamed VI critica Argélia
Tamanho do texto Aa Aa

O rei de Marrocos criticou a Argélia no dia em que lançou uma iniciativa de regionalização nacional com o problema do Saara Ocidental em mente.

Durante o discurso que assinalou o 35° aniversário da chamada Marcha Verde, que reclamou o território então sob ocupação espanhola, Mohamed VI anunciou a criação duma comissão multidisciplinar para apresentar um plano de regionalização.

O monarca acusou igualmente a Argélia de recusar os esforços de normalização entre os dois países. A fronteira encontra-se fechada há 14 anos depois dum atentado em Marraquexe que Marrocos atribuiu aos serviços secretos de Argel.

Os independentistas da Frente Polisário, apoiados pela Argélia, rejeitam qualquer forma de autonomia no interior do reino de Marrocos. O processo de mediação do conflito pela ONU encontra-se actualmente em ponto morto.