Última hora

Última hora

Dia do Armistício: Bush e Obama em cerimónias distintas

Em leitura:

Dia do Armistício: Bush e Obama em cerimónias distintas

Tamanho do texto Aa Aa

George W. Bush esteve a bordo do USS Intrepid, um antigo porta-aviões da armada norte-americana, para assinalar o dia dos Veteranos.

Nos Estados Unidos, o dia do Armistício da Primeira Grande Guerra mudou de nome para que pudessem ser homenageados todos os soldados dos conflitos onde estiveram americanos.

George W. Bush fez o seu último discurso aos combatentes enquanto chefe de Estado.
“Hoje mandamos uma mensagem clara a todos os que usaram a farda. Obrigado pela vossa coragem, obrigado pelo vosso sacrifício. ás vezes perguntam-me: do que é que vou sentir mais falta na presidência?.. a primeira reacção é: não apanho trânsito em Nova Iorque. Mas a verdade é que vou sentir falta de ser o comandante supremo de um grupo fabuloso de homens e mulheres”, concluiu.

Em Chicago, Barack Obama participava numa cerimónia mais discreta.
Acompanhado de uma antiga combatente e inválida da guerra do Iraque, o presidente eleito depôs uma coroa de flores junto a um monumento aos soldados.

Obama abandonou o local, onde estiveram presentes apenas algumas dezenas de pessoas, sem proferir qualquer declaração.