Última hora

Última hora

Citigroup acaba com 52.000 empregos

Em leitura:

Citigroup acaba com 52.000 empregos

Tamanho do texto Aa Aa

O Citigroup anunciou o maior despedimento em massa de sempre. O grupo bancário norte-americano, maior do país, quer eliminar 52.000 postos de trabalho, a juntar aos 23.000 empregos que foram já eliminados este ano.

A redução do quadro vai ser feita através de despedimentos, mas também da venda de algumas unidades. Depois da remodelação, o Citigroup vai ficar com um quadro de 300.000 empregados em todo o mundo. As acções do Citigroup foram das mais castigadas com a recente crise dos mercados. Caíram 68% este ano. Mas os problemas vêm de há bastante tempo. No ano passado, a crise dos créditos imobiliários de risco custou 20 mil milhões de dólares ao grupo, o equivalente, ao câmbio actual, a 15,8 mil milhões de euros. O banco está presente em 100 países, em todo o mundo, mas está com dificuldades no mercado americano, onde falhou o projecto de comprar o Wachovia.