Última hora

Última hora

Irlandeses podem aprovar um Tratado de Lisboa "retocado"

Em leitura:

Irlandeses podem aprovar um Tratado de Lisboa "retocado"

Tamanho do texto Aa Aa

Uma sondagem mostra que os irlandeses podem aprovar o Tratado de Lisboa, numa nova consulta popular, caso sejam efectuadas algumas alterações, de forma a salvaguardar a posição do país em questões como a neutralidade militar, o aborto e os impostos e a garantir que a Irlanda mantém um comissário europeu.

Os resultados da pesquisa podem servir para animar o Governo irlandês, que vai tomar uma decisão sobre a realização de um segundo referendo antes do Conselho Europeu se reunir no próximo mês.

Mas se os números da sondagem são favoráveis ao sim, não dão certezas quanto a uma vitória. É que se 43 por cento dos irlandeses se mostram dispostos a aprovar um Tratado de Lisboa “retocado”; 39 por cento dizem não e 18 por cento mostram-se indecisos.

E o primeiro-ministro irlandês não será, à partida, um grande trunfo para a campanha pelo sim, já que uma sondagem diz que apenas 26 por cento dos irlandeses estão satisfeitos com Brian Cowen.

No referendo de Junho, os irlandeses disseram não ao Tratado de Lisboa.