Última hora

Última hora

Líbano marca 65 anos de independência

Em leitura:

Líbano marca 65 anos de independência

Tamanho do texto Aa Aa

O Líbano assinala o sexagésimo quinto aniversário da independência.

Sob o olhar dos principais dirigentes libaneses, o desfile militar comemorativo decorreu no centro de Beirute, pela primeira vez desde 2005.

Uma sucessão de crises que paralizaram as instituições estatais e assassinatos de personalidades de relevo dominaram o panorama político nos últimos três anos. Em Maio, um acordo entre as diferentes facções permitiu pôr fim ao impasse, com a eleição de um presidente e a formação de um governo de unidade nacional.

O chefe de Estado Michel Sleimane, o primeiro-ministro Fuad Siniora e o presidente do Parlamento Nabih Berri quiseram transmitir hoje o compromisso com essa unidade.

Ontem, Sleimane sublinhou também o empenho de Beirute na Paz global no Médio Oriente, com base nas resoluções da ONU.

O secretário-geral das Nações Unidas apelou esta semana ao Líbano e a Israel para avançarem com um cessar-fogo permanente e um acordo sobre os diferendos.