Última hora

Última hora

Casa Pia: Alegações finais

Em leitura:

Casa Pia: Alegações finais

Tamanho do texto Aa Aa

Quatro anos depois, o processo Casa Pia está, finalmente, a chegar ao fim. O Ministério Público faz esta segunda-feira as suas alegações finais perante o tribunal de Monsanto naquele que é o julgamento mais longo alguma vez visto em Portugal. No banco dos réus vão sentar-se sete arguidos acusados de crimes de pedofilia que vieram a público em Novembro de 2002. Muitas das 32 vítimas queriam estar presentes hoje no tribunal lisboeta mas foram convencidas a ficar em casa.

A antiga provedora da instituição de menores, Catalina Pestana, disse que a sessão trataria de assuntos demasiado técnicos pelo que “não faria sentido” a presença das alegadas vítimas. As alegações finais da acusação prolongam-se até terça-feira e a partir do dia 9 de Dezembro é a vez da defesa. O processo decorre desde 2004 e tornou-se num dos procedimentos legais mais mediáticos depois do alegado envolvimento de várias figuras públicas. Depois de ilibado o deputado Paulo Pedroso, o apresentador de televisão Carlos Cruz permanece como o nome mais conhecido do processo.