Última hora

Última hora

Um grande Sim à autonomia alargada da Gornelândia

Em leitura:

Um grande Sim à autonomia alargada da Gornelândia

Tamanho do texto Aa Aa

Mais de 75,5 por cento dos gronelandeses disse sim a uma autonomia alargada que abre caminho à independência. Situada num ponto estratégico do Ártico, esta ilha sob hegemonia dinamarquesa há quase 300 anos, aproxima-se assim do estatuto de estado soberano.
Cerca de 75,54 por cento dos eleitores votaram a favor e 23,57 por cento contra nesta consulta que registou uma taxa de participação de 71,96 por cento. Cerca de 39.000 eleitores de 80 cidades e aldeias foram chamados a pronunciar-se num referendo negociado com a Dinamarca.
Para além do direito à autodeterminação e ao reconhecimento como povo, o novo estatuto atribui aos gronelandeses o direito de controlar os seus próprios recursos naturais.