Última hora

Última hora

Sistema europeu de alerta de rapto de crianças não é para já

Em leitura:

Sistema europeu de alerta de rapto de crianças não é para já

Tamanho do texto Aa Aa

A diversidade dos sistemas nacionais não permite, para já, lançar um sistema único de alerta de rapto de crianças, estimam os Vinte e Sete.

Alguns países, como a França, por exemplo, já dispõem de um sistema de divulgação rápida da foto e da descrição da criança desaparecida. A ideia poderá ser seguida por outros Estados membros, mas não ao nível dos Vinte e Sete.

A Comissão Europeia tinha apresentado um pacote de propostas para um sistema de alerta comum. Mas os ministros decidiram apenas reforçar a cooperação transfronteiriça e desenvolver acordos bilaterais, em caso de rapto de crianças. E alertam para o facto de que é relativamente corrente que um menor não regresse a casa quando devia, pelo que é preciso ter cuidado antes de falar de rapto.