Última hora

Última hora

Polónia adopta programa anti-crise

Em leitura:

Polónia adopta programa anti-crise

Tamanho do texto Aa Aa

A Polónia adoptou um programa de 24 mil milhões de euros para combater a crise. O anúncio foi feito pelo primeiro-ministro polaco, Donald Tusk, que explicou que o programa de estabilização e desenvolvimento vai ser aplicado até finais de 2010.

Tusk aproveitou a ocasião para se mostrar optimista ao referir o impacto da crise nas finanças do país não é muito grave.

Uma das medidas previstas no programa é o aumento dos impostos sobre as bebidas alcoólicas para criar um fundo de solidariedade que terá como objectivo financiar o investimento nos sectores das telecomunicações e das energias renováveis.

Varsóvia reviu ainda em baixa as previsões de crescimento para 2009. O PIB polaco deverá ficar nos 3,7% em vez dos 4,8% inicialmente previstos.