Última hora

Última hora

O.J. Simpson condenado a 33 anos de prisão

Em leitura:

O.J. Simpson condenado a 33 anos de prisão

Tamanho do texto Aa Aa

Absolvido das acusações de homicídio da ex-mulher e do seu amigo num controverso julgamento há mais de uma década, O.J. Simpson foi agora condenado a 33 anos de prisão num outro caso. A antiga estrela de futebol americano foi considerada culpada dos 12 crimes de que era acusada por um tribunal do Estado do Nevada, incluindo roubo à mão armada e sequestro. Pode pedir liberdade condicional dentro de 9 anos.

O.J. Simpson, que arriscava a ser condenado a prisão perpétua, vai recorrer. “É sempre um dia triste quando alguém vai para a prisão e esperamos que os argumentos do senhor Simpson prevaleçam no recurso. Quanto à sentença, foi justa, digamos, apropriada”, declarou o advogado de defesa.

O pai do amigo da ex-mulher, também assassinado há 13 anos, e de que Simpson foi ilibado, assistiu à condenação e declarou-se satisfeito, apesar não haver qualquer relação entre os casos. “Nunca está terminado. O meu filho Ron desapareceu para sempre e o que agora temos é satisfação pelo facto deste monstro estar onde merece – atrás das grades”, disse.

Este caso remonta ao ano passado, quando a antiga estrela irrompeu num quarto de hotel de Las Vegas para se apoderar de objectos desportivos de um coleccionador. Simpson argumentou que os artigos lhe tinham sido roubados.