Última hora

Última hora

Sony anuncia despedimentos

Em leitura:

Sony anuncia despedimentos

Tamanho do texto Aa Aa

A Sony vai perder 8000 postos de trabalho até Março de 2010. Este corte, que afecta 5%dos trabalhadores do sector de electrónica do grupo japonês é o maior feito até agora, por uma companhia asiática, como consequência da crise.

A Sony está a perder terreno para as concorrentes em várias frentes – computadores, consolas de jogos, leitores de mp3 e televisores.

Embora esteja presente em outros sectores, os produtos de electrónica representam a parte de leão da actividade da Sony – 70% do volume de negócios.

As outras fatias maiores vêm dos jogos de vídeo e da filial de produção e edição de filmes.

Esta notícia chega num dia em que são também conhecidas os valores definitivos da recessão japonesa no último trimestre. Os números são muito piores que a previsão feita pelo governo. Nos meses de Julho a Setembro, a economia encolheu 0,5% em relação ao trimestre anterior.

Em termos anuais, a contracção foi de 1,8%, depois de já no trimestre anterior a economia ter encolhido 0,4% e de um crescimento de 4% no primeiro trimestre.

As previsões para o próximo ano não são nada animadoras. A economia japonesa vai continuar em recessão, atingindo os quatro trimestres consecutivos de decréscimo, algo inédito no pós-guerra.

A indústria de exportação, que é o grande suporte económico do país, está a sofrer com a crise. as empresas estão a reduzir a produção, por culpa de uma quebra na procura global.