Última hora

Última hora

Tribunal suspende aquisição do Fortis pelo BNP Parisbas

Em leitura:

Tribunal suspende aquisição do Fortis pelo BNP Parisbas

Tamanho do texto Aa Aa

O governo belga enfrenta novo desafio na tentativa de salvar o banco Fortis. O risco de falência levou os estados do Benelux a injectarem mais de 11 mil milhões de euros na instituição no final de Setembro. Em seguida o banco foi desmembrado e o governo de Bruxelas decidiu vender a sua parte ao francês BNP Paribas. Os pequenos accionistas não foram consultados e sentiram-se prejudicados por isso recorreram à justiça belga que na sexta-feira decidiu suspender a operação.

Os clientes do banco parecem não estar preocupados com este imbróglio. Esta mulher considera o negócio com o BNP interessante mas agora há que esperar para ver. Já este casal de accionistas queixa-se que os títulos que detinham perderam todo o valor mas que talvez as suas crianças ainda tenham algum proveito. E para este cliente o recurso à justiça foi uma medida acertada por parte dos pequenos accionistas. O processo de venda está suspenso até 12 de Fevereiro. Os pequenos accionistas têm de se pronunciar sobre a operação até esta data. O BNP Paribas já disse que continua interessado mas o governo belga pondera um eventual recurso judicial à decisão do tribunal.