Última hora

Última hora

Miss mundo e rainha do gás e petróleo russo

Em leitura:

Miss mundo e rainha do gás e petróleo russo

Tamanho do texto Aa Aa

Uma beleza vinda do frio triunfou ontem na Àfrica do Sul. A russa Kseniya Sukhinova, originária da Sibéria foi eleita Miss mundo 2008 durante a cerimónia em Joanesburgo, acompanhada em directo por mais de 2 mil milhões de telespectadores.

A jovem estudante da universidade de gás e petróleo de Tyumen, de 21 anos venceu o título, relegando para o lugar de primeira e segunda dama, a miss Índia e a Miss Trinidad e Tobago.

Depois das tradicionais lágrimas, os agradecimentos de Kseniya foram para as outras concorrentes. “Claro que também estou muito contente e orgulhosa por ter recebido este prémio. Muito obrigado”.

Entre as cinco finalistas do concurso, encontrava-se também a miss Angola, Brigite Santos.

Coroada como a mulher mais bela do mundo, Kseniya quer ser manequim profissional embora esteja a estudar engenharia.

A edição do concurso deste ano estava agendada para a Ucrânia, tendo sido transferida para Joanesburgo, por questões de segurança, depois do conflito entre a Rússia e a Geórgia em Agosto.

Moscovo consegue assim uma vitória em beleza nas passarelas: uma miss mundo siberiana, rainha do petróleo e do gás.