Última hora

Última hora

Vinte e Sete negoceiam quotas pesqueiras para 2009

Em leitura:

Vinte e Sete negoceiam quotas pesqueiras para 2009

Tamanho do texto Aa Aa

À segunda deverá ser de vez. Os ministros da agricultura e pescas da União Europeia deverão chegar a acordo, esta sexta-feira, sobre as taxas de captura ou os dias de faina autorizados para o próximo ano.

Michel Barnier, chefe da pasta da Agricultura francês que preside às negociações propôs no primeiro dia de reunião uma série de concessões para tentar reunir os Vinte e Sete em torno de um mesmo texto. Menos tensas do que em anos anteriores, estas negociações ficam no entanto marcadas pela polémica em torno da rejeição de peixe. Organizações não governamentais como a WWF, que organizou mesmo uma manifestação em Bruxelas, denunciam as enormes quantidades de peixes devolvidos ao mar. Ou porque não correspondem à calibragem esperada, ou porque pertencem a uma espécie cujas quotas já foram ultrapassadas ou ainda porque não são vendáveis. Uma rejeição que, segundo as estimativas não governamentais, pode atingir 60% dos peixes capturados.