Última hora

Última hora

Rússia: Senado aprova alargamento do mandato presidencial

Em leitura:

Rússia: Senado aprova alargamento do mandato presidencial

Tamanho do texto Aa Aa

A partir das próximas presidenciais, o mandato do chefe de Estado russo passa a durar seis e não quatro anos, como acontecia até agora. Os deputados passam a ser eleitos por mais um ano, ou seja, cinco, no total. A 21 de Novembro, a Duma passou a alteração constitucional, com 392 votos a favor e 57 contra. Na segunda-feira, foi aprovada por todos os senadores da Câmara Alta. Falta agora apenas a assinatura do presidente Dmitri Medvedev para a alteração se tornar lei. Os críticos do Kremlin dizem que o alargamento do mandato do Chefe de Estado faz parte de um plano para Vladimir Putin voltar à presidência. O certo é que o actual primeiro-ministro já se mostrou disposto a regressar ao antigo cargo, mas só depois de terminar o mandato de Medvedev.