Última hora

Última hora

Morreram 290 palestinianos

Em leitura:

Morreram 290 palestinianos

Tamanho do texto Aa Aa

Durante todo o domingo, prosseguiram os ataques aéreos de Israel, contra a Faixa de Gaza e a contabilidade da guerra continua a subir. Ao fim da tarde de domingo, contavam-se já 290 mortos. Metade deles, eram membros da segurança do Hamas. Havia ainda mais de 700 feridos. Israel, entretanto, concentrou uma unidade de blindados junto à fronteira com a Faixa de Gaza, o que deixa supor um agravamento da situação. Sobretudo, porque também há a decisão do Governo, de incorporar 6.500 reservistas do exército.

As imagens de destruição multiplicam-se e há zonas onde não ficou pedra, sobre pedra. A ministra dos Negócios Estrangeiros de Israel, diz que o objectivo não é reanexar o território e recusou qualquer possibilidade de diálogo com o Hamas, pelo menos, por agora. Os aviões israelitas bombarderam também 40 túneis, que ligavam a Faixa de Gaza ao Egipto. O exército hebraico diz que era por ali que passava a logística do Hamas, sobretudo, armas. Israel acusa ainda o Hamas de ter disparado 80 roquetes sobre o sul do país, de que resultou a morte de um civil.