Última hora

Última hora

Israel bombardeia Ministério do Interior do Hamas

Em leitura:

Israel bombardeia Ministério do Interior do Hamas

Tamanho do texto Aa Aa

À medida que a ofensiva avança, a força aérea israelita vai destruindo edifícios-chave para enfraquecer o Hamas. Num raide aéreo durante a madrugada, as forças israelitas bombardearam e destruíram quase por completo o Ministério do Interior do Hamas, que supervisiona os 13 mil membros das forças de segurança controladas pelo Movimento de Resistência Islâmica. O edifício foi evacuado antes do ataque e não há registo de vítimas.

Durante a noite, a força aérea israelita bombardeou também a Universidade Islâmica de Gaza, considerada um bastião do Hamas, num ataque que também não provocou vítimas. Um porta-voz do exército israelita justificou o bombardeamento com o facto de o local ser utilizado para o fabrico de foguetes, de explosivos e de material electrónico com destino ao braço armado do Hamas, as Brigadas Ezzedine al-Kassam. Com receio de serem os próximos alvos da aviação israelita, os habitantes tentam encontrar locais mais seguros para se refugiarem mas em vão. Os ataques perpetrados durante a noite mataram sete crianças, de acordo com fontes hospitalares. No norte da Faixa de Gaza, mais precisamente em Jabalya, centenas de pessoas marcaram presença na cerimónia fúnebre de cinco raparigas da mesma família vítimas dos ataques aéreos. No sul da Faixa de Gaza, em Rafah, foram a enterrar dois rapazes também eles vítimas da força aérea israelita.