Última hora

Última hora

Bolsas asiáticas fecham "ano horrível"

Em leitura:

Bolsas asiáticas fecham "ano horrível"

Tamanho do texto Aa Aa

As bolsas da Ásia terminaram um ano para esquecer. Em Tóquio, a última sessão de 2008 foi assinalada com uma cerimónia à japonesa, mas é difícil esquecer o ano que passou. O pior de sempre para a bolsa japonesa.

Apesar das previsões de recessão, os investidores acreditam num bom 2009: “Vou fazer o melhor para manter os investimentos no próximo ano”; “Quero acreditar que os mercados bateram já no fundo e vão recuperar durante o próximo ano”, dizem. A queda no Nikkei de Tóquio, em 2008, foi de 42%, semlhante à descida no índice de Sydney. Piores foram as descidas nos índices de Hong Kong e Singapura, a queda de 52% em Bombaím ou ainda o descalabro de 66% na bolsa de Xangai. Embora este ano tenha sido um dos piores da história, as bolsas asiáticas fecharam este último dia do ano com uma nota positiva. O Nikkei de Tóquio subiu 1,3%. A Sony, que é um dos papéis com maior peso no índice, está agora num máximo de várias semanas, devido aos bons números das vendas da Playstation 3. Sinais de que a crise não estragou todo o comércio. Mas a crise financeira de 2008 fez estragos importantes nesta parte do globo. As consequências devem prolongar-se pelo ano que agora começa.