Última hora

Última hora

Europa: Manifestações contra a incursão israelita terminam em violência

Em leitura:

Europa: Manifestações contra a incursão israelita terminam em violência

Tamanho do texto Aa Aa

Nas ruas de várias capitais europeias, as manifestações contra o ataque terrestre israelita terminaram em violência e confrontos com a polícia. Foi o que aconteceu em Atenas, na Grécia, mas também em Paris e Londres. A União Europeia também não parece em sintonia. A presidência checa dos 27 fala de uma “acção defensiva e não ofensiva” da parte de Israel e apela à protecção dos civis.

Já a França condena tanto a ofensiva terrestre do Tzahal como o lançamento de projécteis por parte do Hamas. O presidente francês Nicolas Sarkozy inicia hoje um périplo pelo Médio Oriente. A diplomacia britânica apela por seu turno ao cessar-fogo enquanto que a espanhola manifestou a sua “solidariedade e apoio” ao presidente palestiniano Mahmoud Abbas. Sobram as declarações e condenações, faltam as soluções para a guerra em Gaza.