Última hora

Última hora

Ajuda humanitária chega à Faixa de Gaza

Em leitura:

Ajuda humanitária chega à Faixa de Gaza

Tamanho do texto Aa Aa

Kerem Shalom transformou-se na porta de entrada da ajuda humanitária na Faixa de Gaza. Ao fim de 10 dias de conflito, uma coluna de 80 camiões com mantimentos começou a transitar entre Israel e a Faixa de Gaza.

A ajuda humanitária em questão é proveniente de países como a Grécia, a Jordânia, o Egipto, ou ainda de empresas privadas e de organizações internacionais como a agência da ONU para a ajuda aos refugiados palestinianos. A porta-voz do exército israelita diz no entanto que a população local não tem acesso a esta ajuda. Avital Leibowitz explica o Tsahal está a deixar entrar aproximadamente 80 camiões com medicamentos e outro tipo de ajuda na Faixa de Gaza, mas o Hamas está a impedir o acesso aos camiões aos palestinianos. A questão que se coloca é: está o Hamas verdadeiramente do lado dos civis palestinianos ou contra eles?” Telavive afirma que o terminal de Nahal Oz foi aberto para permitir a passagem de 200 mil litros de combustível destinados a alimentar uma central eléctrica de Gaza, bem como 120 toneladas de gás doméstico por dia. Israel afirma autorizar a passagem de 60 camiões diários com ajuda humanitária desde o início da ofensiva no dia 27. Este número era de 425 veículos por dia antes do Hamas assumir o controlo da Faixa de Gaza em Junho de 2007.