Última hora

Em leitura:

Líder do Hamas recusa negociar uma trégua


mundo

Líder do Hamas recusa negociar uma trégua

O líder político do Hamas no exílio recusa negociar qualquer tipo de cessar-fogo enquanto as tropas israelitas permanecerem na Faixa de Gaza. O fim da ocupação israelita foi uma das condições apresentadas por Khaled Meschaal durante um discurso televisivo em Damasco, mas não só… O dirigente politico do Hamas exige, ainda, a abertura das fronteiras. Meschaal considera que Israel criou o holocausto em Gaza e que o povo tem o direito a resistir. Descartada está também a entrada das forças internacionais no enclave palestiniano.

No campo diplomático prosseguem os esforços para pôr fim aos confrontos. O Presidente da Autoridade Palestiniana reuniu-se, no sábado, com o presidente egípcio e a partir do Cairo apelou ao Hamas para que aceite a proposta de cessar-fogo apresentada por Hosni Mubarak. Na capital egípcia estão já três representantes do movimento islamista palestiniano. A delegação do Hamas que, na sexta-feira, deixou a Faixa de Gaza, vai pronunciar-se sobre a iniciativa do presidente egípcio. Mubarak propõe um cessar-fogo imediato por tempo limitado de forma a permitir a abertura de corredores humanitários.

Há pontos de vista diferentes para cada história: a Euronews conta com jornalistas do mundo inteiro para oferecer uma perspetiva local num contexto global. Conheça a atualidade tal como as outras línguas do nosso canal a apresentam.

tradução automática

tradução automática

tradução automática

tradução automática

tradução automática

tradução automática

Artigo seguinte

mundo

Israel lança panfletos para alertar palestinianos da intensificação da ofensiva