Última hora

Última hora

Rússia prevê retomar fornecimento de gás terça-feira

Em leitura:

Rússia prevê retomar fornecimento de gás terça-feira

Tamanho do texto Aa Aa

A Rússia deve retomar o fornecimento do gás que transita pela Ucrânia esta terça-feira de manhã. A novela em que se transformou a crise do gás pode estar perto do fim. Se tudo correr bem o combustível deve chegar aos consumidores na quarta-feira, uma semana depois de Moscovo ter fechado as válvulas.

A Rússia interrompeu o abastecimento via a Ucrânia porque acusa Kiev de roubar o combustível. Depois de muitas negociações, um acordo foi assinado novamente esta segunda-feira. Uma delegação russa chefiada pelo vice-primeiro-ministro com a pasta da Energia, Igor Sechin, e pelo presidente da Gazprom deslocou-se esta segunda-feira a Bruxelas. O comissário europeu da Energia, o letão Andris Pielbags, esclareceu perante as câmaras de televisão que a Rússia lhe garantiu que o fornecimento de gás iria retomar na terça-feira às 8 horas TMG. Contudo, recordou, serão necessárias pelo menos 24 horas para que a normalidade seja reposta. Mas a garantia russa está condicionada pela presença dos observadores europeus nas estações de medição do trânsito de gás na Rússia e na Ucrânia. A União Europeia enviou uma missão de observação para os dois países para verificar que a Ucrânia não se apropria do gás com destino à Europa. Se alguma das equipas não estiver a postos na terça-feira de manhã as torneiras vão permanecer fechadas.