Última hora

Última hora

Discurso de Bernanke deprime bolsas europeias

Em leitura:

Discurso de Bernanke deprime bolsas europeias

Tamanho do texto Aa Aa

O pacote de medidas económicas apresentado pelo presidente eleito norte-americano, Barack Obama, pode não ser suficiente para contrariar a crise. Foi o que disse o presidente da Reserva Federal Americana, Ben Bernanke, num discurso na London School of Economics.

As palavras do homem-forte da Fed ajudaram a deprimir os índices, num dia em que a maior parte das bolsas europeias fechou no vermelho. Milão foi a praça mais penalizada, com o índice SPMIB a caír quase 2,5%. Lisboa caiu menos que as outras praças. O PSI 20 fechou a descer cerca de 0,5%. Os ganhos em papéis como o BCP e a Galp compensaram as quedas noutros títulos. O euro está em queda face ao dólar, enquanto os preços do petróleo estiveram a subir, com a cotação do barril de Brent a ganhar quase 5%.