Última hora

Última hora

Governo alemão aprova plano de 50 mil milhões de euros para fazer face à recessão

Em leitura:

Governo alemão aprova plano de 50 mil milhões de euros para fazer face à recessão

Tamanho do texto Aa Aa

Grandes meios para fazer face a uma grave crise. Pela segunda vez em três meses, a Alemanha aprova um plano de relançamento económico, desta vez no valor de 50 mil milhões de euros, destinados a investimentos públicos, redução de impostos e ajuda às empresas.

Para Berlim trata-se de um plano sem precedentes na história recente do país, mas necessário tendo em conta que a Alemanha enfrenta a pior recessão desde a II Guerra Mundial. A chanceler Angela Merkel evoca a importância deste plano face à dimensão da crise, mas diz que mostra também a determinação do governo em ultrapassá-la. A Alemanha, primeira economia da Europa, encontra-se em recessão. Em Novembro, Berlim tinha aprovado um primeiro plano de 30 mil milhões de euros. O novo pacote de medidas foi saudado pelos economistas, embora alguns considerem que chega tarde. Outros ainda inquietam-se com o impacto que terá no orçamento. Berlim já avisou que, em 2010, não poderá respeitar os critérios do tratado de Maastricht.