Última hora

Última hora

Um morto durante protestos na Cisjordânia

Em leitura:

Um morto durante protestos na Cisjordânia

Tamanho do texto Aa Aa

Bloqueada pelo exército israelita, a Cisjordânia foi contagiada esta sexta-feira pela violência mortífera.

Um palestiniano de 15 anos foi morto a tiro em Hebron por soldados hebraicos. Os militares abriram fogo sobre um grupo de manifestantes que lhes lançaram pedras durante um protesto contra a ofensiva em Gaza. A voz da contestação contra três semanas de bombardeamentos que fizeram mais de mil e cem mortos palestinianos propagou-se por várias cidades da Cisjordânia, em resposta ao apelo não apenas do Hamas, mas também da Fatah. O exército israelita ordenou o bloqueio total da Cisjordânia durante 48 horas, com início às zero horas de hoje. Enquanto em Ramallah a mobilização decorreu de forma pacífica, em Jerusalém Leste registaram-se vários confrontos entre manifestantes e as forças de segurança israelitas, fortemente reforçadas para a terceira sexta-feira de protestos.