Última hora

Última hora

Últimas mudanças na Casa Branca

Em leitura:

Últimas mudanças na Casa Branca

Tamanho do texto Aa Aa

Oito anos depois, os camiões levam de volta ao Texas, as mobílias da família W. Bush, que não é o único a mudar de casa.

O vice-presidente Dick Cheney terá dado um mau jeito quando empacotava caixas para uma nova casa, e deverá comparecer de cadeira de rodas à investidura de Obama. Por seu lado, o controverso presidente cessante passou as últimas horas na sala oval a despedir-se de alguns dos principais líderes mundiais. Bush falou com aliados, como o actual primeiro-ministro italiano Silvio Berlusconi, ou com os que manteve relações mais distantes, como Vladimir Putin. Um dos últimos actos do presidente republicano foi a comutação de penas a dois guardas fronteiriços. Os dois agentes tinham sido condenados em 2006 a 11 e 12 anos de prisão por terem ferido a tiro um traficante de droga mexicano desarmado.