Última hora

Última hora

Kadhafi escolhido para a presidência da União Africana

Em leitura:

Kadhafi escolhido para a presidência da União Africana

Tamanho do texto Aa Aa

Muammar Kadhafi, o novo “rei” da União Africana. Ou, pelo menos, é o que pretende o líder líbio, eleito para a presidência anual da organização durante a cimeira de Addis Abeba.

Kadhafi sucede ao presidente tanzaniano Jakaya Kikwete, mas está longe de reunir um consenso. A escolha do líder líbio deveu-se sobretudo a questões de equilíbrio político entre as diferentes regiões africanas. Segundo as regras da organização, a presidência cabe este ano à África do Norte e Kadhafi foi o único dirigente da região a marcar presença na capital etíope. Segundo várias fontes, o líder líbio fez passar uma mensagem na qual pedia aos congéneres que passem a chamar-lhe oficialmente “rei dos reis tradicionais de África”. O segundo dia da cimeira – na presença do secretário-geral da ONU Ban Ki-Moon – serviu também para evocar as crises no continente, nomeadamente no Zimbabué, na Somália, no Darfur ou na República Democrática do Congo.