Última hora

Última hora

Israel não quer deixar sem respostas os tiros do Hamas

Em leitura:

Israel não quer deixar sem respostas os tiros do Hamas

Tamanho do texto Aa Aa

Um palestiniano foi morto esta manhã em mais uma série de bombardeamentos sobre a Faixa de Gaza. Os ataques  bombardeamentos foram retomados horas depois das milícias palestinianas terem ferido dois soldados e um civil ao lançar rocketes contra localidades do sul de Israel. Já ontem os  F16 de Israel largaram pelo menos quatro bombas em túneis na região e destruiram um posto da  polícia do Hamas. 
 
O Primeiro-Ministro isarelita Ehud Olmert tinha prevenido que o Estado hebreu iria reagir de “forma desproporcionada” em resposta aos tiros de rockets ao Sul de Israel, a partir de Gaza, apesar do cessar-fogo acordado há duas semanas.
 
O chefe do governo avisou que “não aceitará o regresso à situação anterior e que agirá firmemente”.
 
Israel realiza eleições gerais muito disputadas, marcadas para o dia 10 de Fevereiro e a batalha contra o Hamas tem influenciado as sondagens.