Última hora

Última hora

Obama quer moralisar a Economia

Em leitura:

Obama quer moralisar a Economia

Tamanho do texto Aa Aa

Perante a crise económica Barack Obama pede moralidade aos empresários norte americanos e responsabilidade aos senadores, antes de votarem o plano de relance da economia proposto pelo presidente.

“Uma rejeição o projecto dotado de 819 mi milhões de dolares sera catastrófico para a economia do país” advertiu numa conferência de imprensa ao lado do seu secretário do Tesouro Tim Geithner. Obama anunciou a intenção de tomar medidas para limitar os salários do grandes chefes de empresa especialmente para as que recebem apoios do Estado. “Acreditamos que o sucesso deve ser recompensado, mas recompensar os grandes patrões quando as suas estratégias falharam e serem os contribuintes a pagar, quando eles próprios estão em dificuldade parece me mal. Este tipo de compensações numa altura de crise é um mau exemplo e enquanto presidente não irei tolerá‘lo”. A Casa Branca deverá revelar para a semana os detalhes do projecto O Presidente dos EUA, Barack Obama, assumiu hoje também “ter errado” nas escolhas da nova administração. Uma alusão a Tom Daschle, ex-dirigente do Senado dos EUA e um dos principais conselheiros do governo nomeado secretário de Saúde e Recursos Humanos que tinha uma dívida de cerca de 108 mil euros ao fisco. .