Última hora

Última hora

Operários britânicos suspendem protesto contra trabalhadores estrangeiros

Em leitura:

Operários britânicos suspendem protesto contra trabalhadores estrangeiros

Tamanho do texto Aa Aa

Os trabalhadores da refinaria britânica de Lindsey decidiram pôr fim à vaga de greves contra o recrutamento de 400 funcionários estrangeiros.

Os sindicatos aceitaram a proposta da petrolífera Total, que gere as instalações, de consagrar um quarto dos postos temporários a trabalhadores britânicos. Mas, antes do regresso ao trabalho, na próxima segunda-feira, os operários convocaram uma nova paralisação para amanhã, pelas mesmas razões, numa refinaria em Nottingham no centro de Inglaterra. Em plena crise económica os funcionários acusam o governo de não proteger os trabalhadores britânicos e de optar por mão-de-obra estrangeira, mais barata. Entre os 400 trabalhadores estrangeiros contratados em Lindsey, como operários da construção civil, encontravam-se 32 portugueses que tiveram de regressar a casa por temer represálias.