Última hora

Última hora

EUA determinados a mudar tom na política internacional

Em leitura:

EUA determinados a mudar tom na política internacional

Tamanho do texto Aa Aa

Na anual Conferência sobre Segurança de Munique e perante uma vasta plateia de dirigentes internacionais, o vice-presidente Joe Byden anunciou que os Estados Unidos estão determinados a empregar um novo tom na política internacional.

“Venho à Europa em nome da nova administração, uma administração empenhada a empregar um tom diferente, não só em Washington mas nas relações da América com o mundo. Esse novo tom está enraizado num forte bipartidarismo para enfrentar os desafios comuns. E nós reconhecemos estes desafios, a necessidade de os enfrentar não é uma oportunidade ou um luxo mas sim uma necessidade absoluta”, declarou. Disponibilidade para dialogar com o Irão, começar do zero o relacionamento com Moscovo, desenvolver o escudo anti-missil se for eficiente em termos de custos em cooperação com a NATO e a Rússia – estas foram algumas das linhas de força empregues no discurso de Byden que repudiou a política de Bush do “connosco ou contra nós”. O primeiro dia desta quadragésima quinta edição da conferência ficou marcado por uma manifestação nas ruas de Munique. Os cerca de 2000 manifestantes exigiram aos dirigentes um maior esforço para evitar os conflitos armados.