Última hora

Última hora

Senado chega a acordo para plano de relançamento dos EUA

Em leitura:

Senado chega a acordo para plano de relançamento dos EUA

Tamanho do texto Aa Aa

Pressionado pelo pelo agravar da economia e pelo presidente Barack Obama, o Senado norte-americano chegou a um entendimento sobre o plano de relançamento económico.
 
Os democratas fizeram concessões aos republicanos nalgumas matérias e aceitaram mesmo reduzir em 100 mil milhões de euros o montante pretendido no início.
 
“É fácil contestar detalhes mas quando se ouve que num mês perderam-se 596 mil empregos, chegou o momento de agir, o momento de avançar. É a altura para criar empregos e deixar de lado as lutas partidárias, e foi o que aconteceu aqui, hoje”, anunciou o senador democrata, Chuck Schumer.
 
Barack Obama vai assim promulgar um plano de relançamento de 600 mil milhões de euros. Quarenta e dois por cento são destinados à redução de impostos e benefícios fiscais. Os restantes 60 por cento vão ser consagrados ao investimento público.
 
Para fazer passar o projecto, os democratas precisam de 3 a 4 votos republicanos na terça-feira, dia em que será votado. O plano será promulgado pelo presidente, o mais tardar no dia 15.
 
Espera-se que as medidas criem pelo menos três milhões de postos de trabalho.