Última hora

Última hora

Agrava-se balanço dos confrontos no Madagáscar

Em leitura:

Agrava-se balanço dos confrontos no Madagáscar

Tamanho do texto Aa Aa

O balanço dos confrontos entre os apoiantes do presidente da câmara da capital do Madagáscar e as forças da ordem subiu para pelo menos 28 mortos e 212 feridos. Noventa por cento dos feridos sofrem de impactos de projécteis metálicos.

A intervenção da polícia em Antananarivo ocorreu durante os protestos em massa de sábado à tarde junto ao palácio presidencial. Há duas semanas que a violência não pára de aumentar na ilha do Oceano Índico, até há pouco tempo um concorrido destino turístico. O presidente da Câmara da capital Andry Rajoelina é um dos líderes do movimento que pretende depor o presidente do país Marc Ravalomanana. O chefe de Estado destituiu o autarca da capital. O governo prolongou o recolher obrigatório. Em duas semanas de distúrbios morreram mais de 130 pessoas.