Última hora

Última hora

Congresso norte-americano à beira de aprovar plano de estímulo à economia

Em leitura:

Congresso norte-americano à beira de aprovar plano de estímulo à economia

Tamanho do texto Aa Aa

As duas câmaras do Congresso norte-americano chegaram esta noite a um acordo para aprovar o plano de incentivo à economia do país.

O novo projecto-lei reduz o montante do investimento para 789 mil milhões de dólares, aumentando para 3,5 milhões o objectivo ao nível da criação de novos postos de trabalho. Para o líder da maioria democrata no Senado,” cada indicador económico divulgado nos últimos dias sublinha a necessidade de agir rapidamente e em força”. As medidas defendidas pela administração Obama têm por objectivo relançar o mercado de trabalho, investindo nas obras públicas, e incentivar o consumo, através de reduções fiscais para 95% dos trabalhadores norte-americanos. Entre os republicanos as medidas continuam a ser vistas como demasiado dispendiosas, o líder do partido no Senado afirmou-se, “muito desapontado, pois o plano não permitirá criar e preservar postos de trabalho”. Barack Obama quer promulgar o texto até ao final da semana, depois de ter revisto as despesas em 50 mil milhões de dólares, em nome do consenso. Os dois partidos não chegaram ainda a um entendimento sobre 6 mil milhões de dólares atribuídos à construção de escolas.