Última hora

Última hora

Polícia turca detém dezenas de manifestantes em protestos curdos

Em leitura:

Polícia turca detém dezenas de manifestantes em protestos curdos

Tamanho do texto Aa Aa

Segundo dia de conflitos entre manifestantes curdos e a polícia, na Turquia.

86 manifestantes foram detidos pelas autoridades turcas, na cidade de maioria curda de Diyarbakir, no sudeste do país. Pelo menos oito jovens e 17 agentes da polícia ficaram feridos. As autoridades usaram canhões de água e gás lacrimogéneo para dispersar as mais de duas mil e quinhentas pessoas que se juntaram em frente à sede do Partido da Sociedade Democrática, a única formação política curda legalizada. Os protestos foram convocados para marcar o décimo aniversário da captura do líder separatista Abdullah Ocalan. O fundador do Partido dos Trabalhadores do Curdistão foi capturado em 1999 e condenado à prisão prepétua por “separatismo”. O Partido da Sociedade Democrática, a primeira formaçao pró-curda a entrar no parlamento turco em mais de uma década, enfrenta uma proibição do tribunal, por estar alegadamente ligada ao PKK, considerado um grupo terrorista, pela União Europeia e pelos Estados Unidos.