Última hora

Última hora

Bomba explode junto à sede dos socialistas bascos

Em leitura:

Bomba explode junto à sede dos socialistas bascos

Tamanho do texto Aa Aa

A violência pré-eleitoral deixa um clima de tensão a uma semana das legislativas regionais no País Basco espanhol.

Uma bomba atribuída à ETA explodiu esta madrugada junto à sede do Partido Socialista Basco, em Lazkao, na província de Guipúzcoa. O atentado não fez vítimas, mas sim danos materiais avultados. Uma chamada anónima em nome da organização terrorista basca alertou as autoridades para o ataque iminente. No sábado, um local do Partido Nacionalista Basco em Bilbao foi visado por um engenho incendiário, num ataque atribuído pela polícia a jovens independentistas radicais. Os nacionalistas bascos conduzidos pelo chefe do Governo regional, Juan José Ibarretxe, continuam a liderar as sondagens, mas são seguidos de muito perto pelos socialistas bascos, a quem é atribuído apenas menos um assento no Parlamento de Vitoria. Apesar de continuarem em aberto todos os cenários de governação, metade dos socialistas liderados por Patxi López e a maioria dos nacionalistas rejeitam uma coligação conduzida pelo líder da formação adversária. As eleições de Domingo são as primeiras sem listas indepentistas consideradas próximas da ETA.