Última hora

Última hora

França liberta cinco ex-prisioneiros de Guantánamo

Em leitura:

França liberta cinco ex-prisioneiros de Guantánamo

Tamanho do texto Aa Aa

A justiça francesa libertou cinco homens que passaram entre 18 meses e dois anos na prisão de Guantánamo.

Os homens tinham sido condenados em França, em primeira instância, a um ano de prisão. O tribunal de recurso de Paris considerou agora irregular um julgamento fundado em interrogatórios feitos por agentes franceses no campo de Guantánamo, onde os prisioneiros não tinham qualquer estatuto legal. Foram assim anulados por vício de forma todos os depoimentos constantes dos processos. Os cinco homens, sobre os quais recaía a acusação de participação em preparativos de ataque terrorista, queixam-se de ter sido torturados e vítimas de maus tratos em Cuba. A França é um dos países que prometeu receber prisioneiros de Guantanamo na sequência do anúncio feito por Barak Obama de encerrar a prisão.