Última hora

Última hora

Garzón dá indícios de implicação de eleitos em rede de corrupção

Em leitura:

Garzón dá indícios de implicação de eleitos em rede de corrupção

Tamanho do texto Aa Aa

A rede de corrupção investigada pelo juíz da Audiência Nacional espanhola, Baltasar Garzón, pode envolver deputados ou senadores.

Para já não foram avançados nomes, mas a possibilidade é referida numa providência de Garzón, que instrui actualmente o caso. No texto, o juíz pergunta à procuradoria Anti-corrupção se deve deixar o processo a favor do Supremo Tribunal, devido aos indícios de responsabilidade penal contra membros do Parlamento. As investigações, que já conduziram a três detenções e à constituição de mais de trinta arguidos, vinculam particularmente o Partido Popular, principal força da oposição. A providência de Garzón foi conhecida pouco depois do PP ter apresentado queixa contra o magistrado por “prevaricação” no processo. Os populares contestam nomeadamente a competência de Garzón no caso. Os socialistas no poder acusam o PP de tentar desviar atenções com ataques a Garzón e ao ministro da Justiça, que acabou por demitir-se.