Última hora

Última hora

Clinton em Israel à procura de um interlocutor para falar de paz

Em leitura:

Clinton em Israel à procura de um interlocutor para falar de paz

Tamanho do texto Aa Aa

Os Estados Unidos prosseguem os esforços para relançar o processo de paz israelo-palestiniano. A nova secretária de estado Hillary Clinton aterrou esta noite em Israel, onde se vai reunir hoje com os responsáveis do governo cessante e com os membros do futuro executivo.

A nova administração Obama quer ultrapassar o impasse negocial da era Bush, mesmo que continue a rejeitar qualquer negociação com o Hamas em Gaza. Clinton tinha iniciado a ronda diplomática pelo Médio Oriente, na segunda-feira, na conferência internacional de doadores para a reconstrução de Gaza, em Sharm-El-Sheik no Egipto. A responsável tinha afirmado estar, “optimista quanto à possibilidade das negociações poderem conduzir à criação de um estado palestiniano”, sublinhando que, “se trata apenas de uma questão de tempo e de abertura dos dois lados”. Mas a missão de Clinton em Israel poderá estar condenada ao fracasso. Três semanas após as eleições, a prioridade do futuro primeiro-ministro Benjamin Nethaniau passa pelas negociações para formar um governo de coligação entre conservadores e a direita religiosa, oposto em fazer concessões territoriais aos palestinianos. Israel deverá apresentar a Clinton uma lista de exigências para a reabertura do diálogo entre Washington e Teerão, uma questão considerada mais urgente para as autoridades israelitas.