Última hora

Última hora

Ameaças de morte contra conservadores franceses

Em leitura:

Ameaças de morte contra conservadores franceses

Tamanho do texto Aa Aa

Vários membros do actual Governo, e um antigo governante francês, receberam ameaças de morte, foi revelado esta terça-feira.

O grupo de políticos, que ao longo das duas últimas semanas recebeu envelopes contendo balas, inclui o presidente Nicolas Sarkozy, a ministra da Justiça, Rachida Dati e a do Interior Michele Alliot Marie. As ameaças foram reveladas por fonte judicial e não suscitaram qualquer comentário da parte do Eliseu. A última carta era dirigida ao antigo primeiro-ministro Alain Juppé. “São os riscos da profissão. Não é a primeira vez que recebo ameaças deste tipo, por isso recebo esta com muita serenidade. É verdade que desta vez as cartas, segundo me disseram, eram acompanhadas de uma bala dentro de um envelope. Não é no entanto suficiente para que eu mude a minha agenda, o meu modo de vida”, disse o ex-chefe de Governo. Até ao momento, as autoridades francesas dizem não ter pistas claras quanto à autoria das ameaças que se estenderam a membros da UMP no Sudoeste de França, que também receberam as cartas contendo balas de 9mm.