Última hora

Última hora

NATO retoma relações com a Rússia

Em leitura:

NATO retoma relações com a Rússia

Tamanho do texto Aa Aa

Reunidos em Bruxelas, os chefes da diplomacia da NATO decidiram por unanimidade retomar as relações formais com Moscovo, “congeladas” desde a guerra do Verão passado entre a Rússia e a Geórgia.

No primeiro encontro com a participação de Hillary Clinton, os ministros da Aliança Atlântica decidiram que haverá um Conselho NATO-Rússia “imediatamente após a cimeira” dos 60 anos da organização, em Abril. Mas, para lembrar que ainda existem diferendos, o secretário-geral da NATO apelou ao Kremlin para “cumprir os compromissos a respeito da Geórgia”, como “a retirada de áreas que se comprometeu a deixar. Os observadores e a Rússia têm responsabilidades em termos da segurança e da ordem”. Os aliados mostram-se preocupados com o reforço da presença militar russa nas regiões separatistas georgianas da Ossétia do Sul e da Abcásia, denunciando uma violação do acordo de cessar-fogo e da integridade territorial da Geórgia. O Afeganistão também esteve na ordem do dia e Clinton propôs uma conferência internacional a 31 de Março. Os Estados Unidos estão a reformular a estratégia do conflito em território afegão, pressionando para um aumento de tropas.