Última hora

Última hora

Começa julgamento de alegado chantagista de Susanne Klaten

Em leitura:

Começa julgamento de alegado chantagista de Susanne Klaten

Tamanho do texto Aa Aa

O alegado chantagista de Susanne Klatten, a mulher mais rica da Alemanha e a maior accionista da BMW, confessou ter cometido os crimes de que é acusado no início do julgamento em Munique.

A confissão foi proferida pelo advogado do suíço de 44 anos, Helg Sgarbi, acusado de seduzir e depois chantagear Klatten e outras três mulheres com dinheiro, além de fraude. Em anonimato, uma das vítimas diz que Sgarbi parecia ser diferente de outros homens, não se assemelhava a um gigôlo mas sim alguém interessado.” A acusação pretende dar como provado que o réu tentava extorquir avultadas somas de dinheiro para não publicar fotografias e vídeos íntimos registados sem o conhecimento das vítimas. As imagens eram captadas por um cúmplice que residia em Pescara, Itália. Helg Sgarbi pode ser condenado a mais de 10 anos de prisão.